Onde voc√™ estiver…

Hoje papai faria 89 anos, faz tanto tempo que seu corpo se foi 17 anos atrás no dia de seu aniversário ele deixou o corpo. 

Aniversário duplo de vida e de fechamento de ciclo. Até nisto ele foi um homem interessante. 

Mas ainda sinto sua presença tão marcante em meu coração.

Sinto saudade e imagino como seria se ele estivesse por aqui, mas também sei que ele está, afinal vive em meu coração .

Hoje olhava fotos dele e pude relembrar momentos.

√Äs vezes no meio da tarde recebia sua “visita” e dizia vim te ver e tomar um cafezinho.

Minha cachorra e ele se amavam demais.

Com ele eu podia ser expont√Ęnea, e mesmo quando ele n√£o concordava, ele aceitava meu jeito diferente de ser.¬†

Ele era evangélico, e ancião da sua igreja ( tipo pastor).Frequentei esta igreja desde que nasci, aos 22 anos resolvi ser honesta comigo mesma e parei de ir ao culto. Foi um momento bem intenso é difícil pra mim, porque eram raízes muito fortes e já cheguei neste mundo com esta religião. Mas meu caminho era outro, e me sentia tocada por outros ensinamentos, precisei seguir meu crescimento.

Bem ele como o “pastor” da igreja veio a mim e disse¬†

“Filha como anci√£o da igreja que voc√™ frequenta vou te dizer uma coisa, mas antes,¬† como seu pai quero que saiba que confio em voc√™, e sei, o que escolher confio que ser√° sua melhor escolha, e vou aceitar.¬†

Mas como ancião da igreja que faz parte digo, pense se você quer mesmo parar de ir ao culto, mas está tudo bem pra mim.

Eu lhe disse : quero sim. E ele me abraçou.

Bem, ele fez o que precisava como ancião, e deixou em mim uma certeza do apoio que me dava como pai amoroso. 

Esta foi uma prova de confiança e uma força pra minha autonomia, foi uma forma de me dar o consentimento para eu seguir meu caminho. 

Nem me dei tanto conta do que isto representou na minha confiança naquela época, mas hoje posso observar onde isto refletiu no meu coração e na minha vida.

Em algum lugar no meu coração esta semente ficou,  e uma parte da coragem que sempre experimentei, veio desta confiança dele, confiada a mim. 

Sai da igreja sim, e segui meu caminho, sempre com seu apoio. Ele nunca mais tocou no assunto.

Ele me ouvia, e tinha uma disponibilidade para nossa diferença . 

Falava com ele o que eu queria, e muitas vezes ele não sabia do meu universo, mas queria saber e era receptivo. 

Lembro me do meu casamento, fiz uma entrada diferente e mamãe dizia ele não vai querer! 

E ele se divertiu entramos com fumaça de gelo seco, e ele com cara de menino faceiro. 

Quinze anos depois anunciei que me separei, ele muito acolhedor, queria saber como eu estava me sentindo, e se eu  tinha outra pessoa. E quando disse que não, ele disse: mas o que importa é que o você quer.  

E até hoje mamãe conta que quando eu era criancinha às vezes acordava de madrugada, assustada com algum sonho, e ia na cama e o chamava, ele acordava e como eu não conseguia dormir, ele sentava de um lado do corredor e eu do outro e ele ficava jogando bola comigo. Eu me distraia e depois conseguia dormir. 

Recentemente compreendi o que ocorria em minhas noites infantis, sentia gente ‚Äúdo mundo invis√≠vel‚ÄĚ por perto e me assustava.¬†

Anos depois de sua partida fui pra constelação familiar e dai comecei compreender de onde vinha meu amor tão incondicional por ele. Além dele ter sido um pai carinhoso. 

Ele foi uma criança que foi adotado , ele soube aos 12 anos , mas também ficou ciente que sua mãe era adotiva, um coleguinha contou a ele, minha avó, não queria que ele soubesse que era adotado. 

Ele silenciou, e ela morreu achando que ele não sabia que ele era adotado. 

Ele dizia , respeitei a vontade da minha mãe, mas sempre pensava se minha mãe de biológica não se interessou em me conhecer. 

Eu em tom protetor, porque eu me colocava mãe dele, respondia : vovó mudava a cada dois anos para não deixar rastro, como saber se sua mãe biológica te procurou, se você quiser podemos encontra lá. 

Ele dizia: não, e se ela tiver família e nunca falou disto vai estragar a vida dela. 

Assim era meu Pai. 

Tivemos infinitas passagens, nas quais senti seu carinho, amor, respeito e confiança. 

E a maior foi no dia que ele morreu. Seu amigo me disse algo que ele falou de mim, e disse tamb√©m mas isto voc√™ n√£o pode falar pra ningu√©m… e n√£o falo, mas quando lembro meu cora√ß√£o transborda de alegria por ter sido filha dele, e por tudo que vivemos.

Quando alguém é excluído , alguém da geração seguinte entra no lugar. 

Entrei. No caso ‚Äúentrei no lugar‚ÄĚda m√£e biol√≥gica dele.¬†

Isto facilitou muito minha relação com papai .

Geralmente era muito brincalhão e bem humorado, em tudo por pior que fosse , fazia piada . 

A certeza que ele me amava, me deu chão, me deu força e motivação, e acima de tudo amor 

Vivia sem saber, tão claramente, mas quando aprofundei meu auto conhecimento pude reconhecer ainda mais conscientemente a validade do seu apoio e amor. 

Ele desencarnou no dia do aniversário dele, fechou um ciclo . 

At√© nisto ele foi especial pra mim, sua sabedoria e simplicidade se manifestou at√© seu √ļltimo dia.

Semanas depois de sua partida visitou me em um sonho, e me dizia, filhinha segue no seu caminho ele está certo. 

Vá tranquila. 

Reverencio tudo que recebi dele e todas as recorda√ß√Ķes que ainda me alimentam o cora√ß√£o .

Papai amo te por demais .

Parab√©ns parab√©ns parab√©ns ūüĎŹūüĎŹūüĎŹūüĎŹ

#contandodemimSiari#91FAF60B-4A07-4FCA-BDE4-4B50D227B374

4 Replies to “Papai, feliz anivers√°rio ūüéā”

Deixe um coment√°rio

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Voc√™ est√° comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Voc√™ est√° comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Voc√™ est√° comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Voc√™ est√° comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: